Biblioteca Virtual

  • Categorias
  • Nos tempos das Febems: memórias de infâncias perdidas (Pernambuco / 1964-1985)



    Descrição:

    Este trabalho de tese objetiva construir uma narrativa histórica dos meninos e das meninas que vivenciaram a experiência de internação nas unidades da Febem, em Pernambuco, no período da Ditadura Civil-Militar (1964-1985). A Febem representava uma instância estadual da Fundação Nacional do Bem-Estar do Menor – Funabem, criada em 1964 e extinta em 1990. Essas instituições emergiram a partir da Política Nacional do Bem-Estar do Menor – PNBEM, também criada no primeiro ano do Regime, e da lógica do Código de Menores, promulgado em 1927 e reformulado em 1979. Em junho de 1966, o então Governador de Pernambuco, Paulo Guerra implantou a Fundação Estadual do Bem-Estar do Menor, a chamada Febem/Pernambuco, inaugurando uma nova fase da assistência infância no Estado. Para além da abordagem institucional, esta tese terá como fio condutor a trajetória de três pessoas que passaram, no tempo de criança e adolescente, pela instituição na condição de internos. As memórias sobre a passagem pela Febem, produzidas e analisadas a partir da perspectiva metodológica da História Oral, possibilitaram conhecer diferentes experiências, que se desdobraram na construção de diferentes Febems. As histórias de vida, registradas em entrevistas, entrecruzadas com outras fontes documentais, permitiram construir a história de meninos e meninas que vivenciaram o abandono, a pobreza ou que estiveram em situação de conflito com a lei, possibilitando a análise sobre a assistência às crianças e às famílias pobres, no Brasil e em Pernambuco, nos anos marcados pela Ditadura Civil-Militar.



    Voltar

    Horário de Funcionamento


    • Manhã 09:00 13:00
    • Tarde 14:00 17:00

    CONTATO


    • (81) 3320.6067
    • lahinufrpe@gmail.com

    Acervo Videoteca